Velas acesas: Agora: 500 Até hoje: 206857

Responso a Santo António

Quando te sentires em perigo, tiveres perdido alguma coisa, passares alguma necessidade ou tiveres dificuldades na vida… recorre ao «Santo dos milagres», e repete o seu responso uma ou mais vezes:

Se milagres desejais,
Recorrei a Santo António;
Vereis fugir o demónio
E as tentações infernais.

Recupera-se o perdido.
Rompe-se a dura prisão
E, no lugar do furacão,
Cede o mar embravecido.

Todos os males humanos
Se moderam, se retiram,
Digam-no aqueles que o viram,
E digam-no os lusitanos.

Recupera-se o perdido.
Rompe-se a dura prisão
E, no auge do furacão,
Cede o mar embravecido.

Pela sua intercessão
Foge a peste, o erro, a morte,
O fraco torna-se forte
E torna-se o enfermo são.

Recupera-se o perdido.
Rompe-se a dura prisão
E, no auge do furacão,
Cede o mar embravecido.

Glória ao Pai, e ao Filho, e ao Espírito Santo.

Recupera-se o perdido.
Rompe-se a dura prisão
E, no auge do furacão,
Cede o mar embravecido.

Rogai por nós,
bem-aventurado António.
Para que sejamos dignos
das promessas de Cristo.

Oração

Oremos, ó Deus, que a intercessão do vosso Confessor e Doutor Santo António encha de alegria a vossa Igreja, para que seja sempre protegida pelos auxílios espirituais e mereça alcançar as alegrias eternas.

Por Cristo nosso Senhor, Amen.

Cinco minutos na companhia de Santo António

Há muito tempo que te esperava, porque conheço as necessidades em que vives, e sei que desejas obter do Senhor socorro para elas por minha intercessão. Estou disposto a prestar-to. Expõe-me com sinceridade aquilo de que precisas, abre-me o teu coração aflito; e eu derramarei sobre ele uma gota do bálsamo celeste, que curará as tuas chagas e fará desaparecer as tuas dores.

Meu pobre amigo! Quantas adversidades, tribulações e indigências, tanto do corpo como da alma! Não é verdade que desejas o meu auxílio para levares a feliz termo aquele assunto…? para saíres vitorioso daquele pleito…? para encontrares aquela coisa perdida…? para retomares aquele interesse…? para precaveres um mal que te ameaça…? para conseguires aquele bem que desejas…? para recuperares a paz na tua família…? ou naquela outra, onde sabes que a cizânia da discórdia lançou raízes…? para pedires contrição pelos pecados, para ti e para as outras pessoas…? para alcançares as virtudes cristãs…? para te livrares, tu e os teus amigos, do perigo do pecado…? para aliviares esta ou aquela alma que te são chegadas das penas do Purgatório…?

Expõe-me, expõe-me, meu filho, com total confiança, os teus desejos. Estou prontíssimo a escutar as tuas súplicas, desde que não se oponham ao teu bem espiritual. Contudo, em troca da minha generosa protecção, vou pedir-te uma insignificante prova de gratidão. Se me queres encontrar sempre propício, sê mais assíduo na recepção dos sacramentos, mais devoto da Paixão do Senhor e da nossa amantíssima Mãe, Maria, mais amante dos pobres e das almas do Purgatório. Pois sabe que nada nego a quem me pede através de uma oferta material para os primeiros e espiritual para as segundas.

Em suma, hás-de ter uma vontade pronta e decidida, não só para seres bom cristão, mas também para seguires a vocação divina, se fores chamado a um estado mais perfeito.

Pedir um favor a Santo António

Ó admirável Santo António, glorioso pelos grandes milagres que realizastes, que merecestes ter o Menino Jesus nos vossos braços; obtende-me da sua bondade a graça que ardentemente desejo. Vós, que fostes tão misericordioso com os pecadores, não olheis para os meus pecados, mas para a glória de Deus, que será uma vez mais exaltada por vós, e para a salvação da minha alma, que agora vos peço com tanto fervor.

Seja-vos prenda da minha gratidão a promessa de uma vida mais conforme com os ensinamentos evangélicos e consagrada ao alívio dos pobres, por vós tão amados.

Abençoai a minha promessa e alcançai-me a perseverança até à morte, Amén.